Para a viabilização do II Fórum de Educação Superior de Itapipoca e Região, o reitor da Universidade Estadual do Ceará (UECE), Jackson Sampaio, acompanhado pelo diretor da Faculdade de Educação de Itapipoca (FACEDI), Francisco Furtado Tavares Lins e pelo diretor executivo do Instituto de Estudos, Pesquisas e Projetos da UECE (IEPRO), Luis Carlos Dodt, foi recebido pelo prefeito do município de Itapipoca, João Barroso, no último dia 03 de fevereiro, na sede da prefeitura, a 154 km, distante de Fortaleza.

O II Fórum será realizado ainda nesse primeiro semestre de 2017, sob a coordenação do diretor da FACEDI, professor Francisco Furtado. O encontro envolverá os municípios circunvizinhos e debaterá as ações necessárias ao desenvolvimento e à expansão do Ensino Superior da região de Itapipoca. O objetivo da reunião tem como propósito promover maior articulação entre as instituições presentes na região, a SEDUC e os governos municipais. A primeira edição do evento aconteceu no ano de 2013.

Participaram ainda do encontro, o vice-prefeito de Itapipoca, Edilson Pacheco; o secretário de Educação de Itapipoca, Paulo Henrique; o chefe de Gabinete, Pedro Teixeira, vereadores e demais autoridades itapipoquense.

Durante a reunião, o diretor da FACEDI, fez uma explanação sobre o histórico da Faculdade e a relevante contribuição que a UECE tem dado à região, ao longo de mais de três décadas. Em seguida, o Prof. Jackson Sampaio apresentou informações sobre as perspectivas da UECE para os próximos anos e da importância da instituição e das parcerias da universidade com as prefeituras municipais.

O diretor executivo do IEPRO, Luiz Carlos Dodt fez uma explanação sobre os campos de atuação do IEPRO e as possibilidades de parcerias institucionais com as administrações municipais.

Ao final do encontro, os gestores municipais agradeceram o convite para participação no evento, sinalizaram interesse em estreitar os laços com a academia e se dispuseram a colaborar com a organização do II Fórum de Educação Superior de Itapipoca e região.

Fonte: http://www.uece.br/uece/index.php/noticias/94132-2017-02-14-12-42-53