Preservar bens de valor histórico, cultural, arquitetônico e ambiental, no contexto da sociedade, é fundamental quando se pretende entender o presente e projetar o futuro. O mesmo vale para empresas e sua administração de bens. Tombamento, palavra de origem portuguesa, significa fazer um registro do patrimônio de alguém em livros específicos em um órgão de Estado que cumpre tal função.

Para conhecer melhor o que significa tombamento patrimonial, o Instituto de Estudos, Pesquisas e Projetos da Universidade Estadual do Ceará – IEPRO recebeu, na tarde da última segunda-feira (3), Miguel Carioca e Caio Honorato, sócio-fundador e sócio-diretor, respectivamente, da empresa de auditoria e contabilidade Dominus. 

Todas as Células do IEPRO participaram da palestra, ressaltando, dessa forma, a política administrativa transparente da atual Direção do Instituto, sob uma lógica de gestão mais participativa. A oportunidade também serviu para entender o fluxo interno entre as Células a partir da aquisição de um material até o seu tombamento, e, sobretudo, a importância de se preservar o patrimônio e qual o impacto que a ação tem no conjunto da empresa.