IEPRO faz doações de livros e instrumentos musicais

Dentro da proposta de responsabilidade social da nova gestão do IEPRO, que tem à frente o doutor em Administração, Roberto Pinto, como diretor presidente, a entidade vem realizando doações de instrumentos musicais e de livros para melhoria dos acervos da Universidade Estadual do Ceará e de bibliotecas públicas.

Mais de 100 livros, após a catalogação, foram doados à Biblioteca Pública Dolor Barreira, Biblioteca Central da UECE e ao Núcleo de Inovação Tecnológica da UECE (NIT).

Já para o Departamento de Música da Universidade, o IEPRO doou trompetes, instrumentos musicais para utilização dos alunos do Curso, que fazem parte do Grupo de Sopros e da Orquestra Contemporânea.

Segundo a Coordenadora do Curso de Música da UECE, Maggy Mendes Monteiro, esses instrumentos vão facilitar o aprendizado dos alunos, além de contribuir com a aparelhagem instrumental da instituição.


IEPRO faz doações à entidade carente

O Instituto de Estudos, Pesquisas e Projetos da UECE (IEPRO) doou colchões e objetos de decoração para o Lar Amigos de Jesus, associação dos Missionários da Solidariedade, Acolhimento, Apoio e Assistência a Crianças com Câncer. Esta doação do IEPRO faz parte da construção da imagem do Instituto, como entidade presente e ciente de sua responsabilidade social, é o que afirma Fernanda Muniz, responsável pelas atividades de marketing do Instituto.

Atualmente, o Lar Amigos de Jesus cuida, em média, de 280 crianças e depende de doações para suprir às necessidades das crianças assistidas. Para a vice-presidente do Lar, Irmã Lurdes, “todos devemos ajudar e se cada um fizesse sua parte, com pequenos gestos, teríamos um mundo melhor.”, ressalta a Irmã.


Lançamento e Apresentação da Unilab

O Prof. Samuel Façanha participou do lançamento e apresentação da Universidade Federal da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab,) que será instalada no município de Redenção pelo Prof. Paulo Speller, presidente da Comissão de Implantação da Unilab.

O prof. Samuel esteve presente ao evento representando o IEPRO e, na ocasião, apresentou o Instituto às autoridades presentes, como os prefeitos de Aracoiaba, Barreiras e Redenção e também à Associação dos Municípios do Maciço de Baturité, abrindo portas ao IEPRO para novas parcerias com os municípios que compõem a região.


IEPRO tem nova gestão

O professor Roberto Pinto é o novo diretor presidente do Instituto de Estudos, Pesquisas e Projetos da Universidade Estadual do Ceará (IEPRO). Doutor em Gestão de Empresas pela Universidade de Coimbra (2008) e doutor em Administração pela Universidade Federal da Paraíba (2004), Roberto Pinto cita a revitalização da imagem do Instituto, a captação de novos projetos e a implantação de melhorias nos processos e métodos da entidade, como os principais objetivos de gestão da nova diretoria. Junto com o professor Roberto Pinto, assume também o cargo de Diretor de Operações e Controle do IEPRO o professor Samuel Façanha Câmara, doutor em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco.

Criado em novembro de 1995, o IEPRO tem a finalidade de contribuir para o desenvolvimento técnico-científico de instituições públicas e privadas do Estado do Ceará. Aproximando as culturas universitária, empresarial e governamental, o Instituto justifica-se, também, pelas crescentes inovações técnicas, organizacionais, gerenciais e financeiras que vem varrendo as economias desenvolvidas e em desenvolvimento, configurando uma verdadeira revolução empresarial.

“Assumimos a missão de dirigir o IEPRO, com o objetivo de resgatar os valores de uma entidade que visa ao desenvolvimento dos mais diversos setores. Afinal, quando se trabalha para o fortalecimento da educação, trabalha-se também para a sustentabilidade de toda a sociedade e dos ambientes local e global. O conhecimento não tem fronteiras nem limites, mas precisa de direcionamento e compromisso. E o IEPRO está comprometido com esse ideal de construção”, afirma Roberto Pinto.

Segundo o diretor de operações e controle, professor Samuel Façanha Câmara, a nova gestão já estabeleceu um planejamento estratégico que vai determinar a linha de ação do Instituto. “Vamos revitalizar a imagem do IEPRO, buscando agir através de uma administração transparente e com uma comunicação integrada entre os setores e a Universidade”.

Roberto Pinto adianta que a comunicação, inclusive, é uma ferramenta que será bastante utilizada pelo Instituto, a partir da implantação de novos veículos de divulgação (a exemplo deste informativo), modificações no site do Instituto e assessoria de imprensa, facilitando a divulgação das atividades realizadas. “São mudanças que vão assegurar maior agilidade em nosso trabalho, além de nos respaldar como entidade organizada e de credibilidade. Também vamos estimular o desenvolvimento de projetos, que estejam sintonizados com a missão do Instituto e da UECE, e que signifiquem oportunidades de captação significativa de recursos”, conclui.